Tendências em Milhas
Tendências em Milhas
imagem cortada de aviões da azul e latam. Há apenas as caudas do aviões naimagem para destacar as empresas azul e latam

Azul e Latam firmam parceria e você precisa saber tudo o que aconteceu

Confira as informações atualizadas sobre essa parceria que começou como forma de driblar a pandemia, mas que pode ser duradoura

Parceria azul e Latam. O ano de 2020 tem trazido uma série de desafios para todos.

Diante da crise causada pelo coronavírus, diariamente, nos deparamos com contextos que pedem pensamento estratégico e visão assertiva para driblar os obstáculos.

Nesse cenário, empresas de pequeno, médio e grande porte tem usado criatividade para encontrar soluções que reduzam os impactos da pandemia.

Nunca foi tão clara a necessidade de investir em parcerias para evitar maiores prejuízos.

O mercado de aviação, em junho deste ano, recebeu uma notícia que, certamente, ficará para a história: a parceria em entre Azul e Latam.

Entenda o que levou as companhias a se unirem e descubra quais são os impactos na comercialização de milhas.

imagem destacada de aviões da azul e latam

Em que consiste a parceria entre Azul e Latam?

De acordo com John Rodgerson, Jerome Cadier, presidentes da Azul e da Latam, respectivamente, a parceria entre as duas companhias aéreas foi feita para remediar os efeitos da crise.

Ela faz parte de uma estratégia de recuperação econômica rápida.

A parceria entre Azul e Latam inclui a operação em conjunto de 50 rotas domésticas que são complementares entre as empresas. Essas rotas ligam as cidades de Brasília, Belo Horizonte, Recife e Porto Alegre.

Também foram abrangidas as cidades de Campinas e Guarulhos.

O acordo funciona da seguinte maneira: nas rotas em que não há voos diretos, os passageiros poderão voar um trecho com a Latam e outro com a Azul.

Como essa parceria interfere na operacionalização dos serviços?

A compra da passagem aérea pode ser feita pelo site de ambas companhias. Em relação ao check-in, o passageiro recebe os dois cartões de embarque.

A retirada de bagagem é realizada no destino, como acontece normalmente em voos de conexão.

A parceria entre Azul e Latam foi assinada no dia 15 de junho e tudo indica que ela será colocada em prática ainda neste mês de agosto.

Esse período de dois meses tem sido dedicado aos ajustes nos sistemas das companhias.

De que modo isso impactará na comercialização de milhas?

A parceria entre Azul e Latam prevê que o passageiro escolha em qual programa de fidelidade prefere acumular milhas.

No entanto, o acordo, vale apenas para o acúmulo, não para o resgate de passagem de outra companhia.

Isso significa que, até o momento, os processos de comercialização de milhas e passagens aéreas com milhas seguirão o curso normal.

Mas, como tudo ainda é muito recente, não podemos descartar outras novidades.

Outros assuntos relacionados
imagem em destaque com as 3 principais cias aereas brasileiras. GOl, Latam e Azul
Quais são as principais companhias aéreas brasileiras e o que esperar do mercado?

companhias aéreas brasileiras. A gestão de empresa de comercialização de milhas e agência de viagens implica em conhecer os detalhes do mercado aéreo. É por […]

imagem de bolso com bastante dinheiro
Como sua empresa deve se comportar diante da pandemia do novo coronavírus?

Confira como reduzir os prejuízos e se preparar para o cenário pós-crise Desde que a pandemia, causada pela propagação do coronavírus, passou a ser uma […]

imagem lateral do avião da azul linhas aéreas
O que muda com as novas regras no programa TudoAzul

Descubra de que forma as novas regras desse programa de fidelidade interferem na rotina de sua empresa Quem trabalha com comercialização de milhas deve ficar […]

Alavanque sua empresa de milhas!

Assine nosso newsletter!